Fechem os portos

E-mail Imprimir PDF
Avaliação do Usuário: / 0
PiorMelhor 

Oi queridas (os).

Minha energia a princípio sempre é boa. Mas eu tenho em mente um ditado idiota que eu repito quase que automaticamente quando minha energia é contaminada por qualquer razão:  tem dias que parecem noites!

Faz algum sentido para voce? Ah não? Pare e pense. Quantas vezes na sua vida, voce faz tudo certinho, é politicamente correta, atenciosa com os amigos, dá bom dia para o porteiro, não amaldiçoa o sujeito que te xingou no transito, dá seu lugar na fila do supermercado, engole o desaforo daquela mal amada, ignora e perdoa a falta de caráter que assola os idiotas que te cercam... e por aí vai, e quando se dá conta as coisas saem do seu controle e voce se vê numa situação qualquer que voce simplesmente não esperava.

Voce, eu e o General Pedro D’Almeida, Marquês de Alorna, certamente já passamos por isto, um dia que parecia noite.

Então ontem na sala de espera da dermato, numa revista qualquer li um artigo muito interessante :  "Dizem que passado o terremoto de Lisboa (1755), o rei Dom José perguntou ao General Pedro D’Almeida, Marquês de Alorna, o que se havia de fazer. Ele respondeu ao rei: “Sepultar os mortos, cuidar dos vivos e fechar os portos”.

O que isto significa? Para mim ficou muito claro.

Sepultar os mortos significa que não adianta ficar reclamando e chorando o passado. É preciso “sepultar” o passado, enterrar bem enterrado e esquecer. Do que adianta perguntar como seria se assim não fosse. Isto seria ficar em velório eterno. Houve um terremoto. Ok vamos tratar de enterrar os mortos!

Cuidar dos vivos significa que depois de enterrar o passado, temos que cuidar, e dar foco ao presente. Cuidar do que ficou vivo. Cuidar do que sobrou. Cuidar do que realmente existe. Fazer o que tiver que ser feito para salvar o que restou do terremoto. Dar foco ao presente só será possível se enterrarmos os mortos, esquecermos o passado.  Viver o tempo todo na ilusão do que poderia não ter ocorrido é minar a energia para “cuidar dos vivos”.

Fechar os portos significa não deixar as “portas” abertas para que novos problemas possam surgir ou “vir de fora” enquanto estamos cuidando dos vivos e salvando o que restou da nossa vida. Se você deixar seus “portos” abertos poderá ter que lutar contra os invasores, vampiros e abutres que virão espreitar a sua desgraça.

Este texto foi muito acalentador, restaurou minha energia contaminada e me fez fechar meu porto rapidinho, para desespero dos desavisados que acham que a casa nunca cai.

Fechem seus portos!

Beijos

ps. Inspirado em artigos do escritor Luiz Marins.

 

 

 

comentários (11)add comment

mayla comentou:

Ameii!! Love u!smilies/wink.gif
21/05/2013

Lucas comentou:

Muito lucido, e temos que ter sangue frio para agir assim.
otimo artigo!
bj
21/05/2013

marta comentou:

Muito bem , na historia e na vida!
beijo
21/05/2013

Thais comentou:

Texto sensacional!
21/05/2013

Telma comentou:

Perfeito! Adorei.
22/05/2013

Helaine comentou:

Belo texto e excelente desabafo. Vamos por em prática!
22/05/2013

Anna comentou:

Vc estava pensando em mim ? kkkkk
Vc escreve para a alma!!!!!Lindo!!!!bjs
22/05/2013

Alcimar L de Almeida comentou:

Muito bom. Retrato da realidade. Usei essa frase também em um Simpósio de Direito Tributário na Bahia em 2009. Eu havia acabado de le-la numa revista de bordo. É muito profunda e você a interpretou maravilhosamente bem. Parabéns, Dra Fátima.
22/05/2013

Ana Glória comentou:

Fatima Coli, você está cada dia melhor!!! E nesse texto principalmente você superou todas as minhas expectativas!!! Uauhhhhh , foi muito bom e intuitivo, e me deu uma nova visão! Grande beijo e obrigado por escrever coisas tão profundas e inteligentes, isso é um presente para todos os seus fãs, como eu!
23/05/2013

Gisele de Carvalho comentou:

Já fiz Fá. Só nao mandei rezar missa, para os mortos.E estou aprendendo a cuidar mais de mim que dos outros, e o porto, esta fechado ha temposssss !!!! Quando reabrir, vai ser com segurança máxima ! smilies/smiley.gif bjs
27/05/2013

Juliana comentou:

Fa não tinha visto esse post, caiu como uma luva para mim hoje! Muito obrigada! Bjos
29/05/2013

Escreva seu comentário
menor | maior

busy

Os mais lidos

  • Mulheres impactantes
    Final de semana passado fui a São Paulo e assisti o espetáculo Evita. Na volta parei para um ca...
  • Viciada em lingerie
    Sou viciada em lingerie. Escolher a lingerie, faz tão parte de meu dia como faz parte tomar t...
  • Top 10 Portugal
       Top 10 Portugal Como prometido um resumo dos lugares mais bacanas da minha passagem ...
  • Avental sujo de ovo
    Quando penso em minha mãe, me vem a letra da música, que as freiras do Colégio São José onde...
  • Á margem de nós
    Há um tempo em que é preciso abandonar as roupas usadas, que já tem a forma do nosso corpo, e ...
  • Unhas, desisto, ser loira não desisto nunca!
    Voces lembram que eu coloquei unhas postiças? Pois é, fiquei exatamente uma semana com elas. ...
  • Look da balada
    O friozinho deu uma trégua, e a noite de ontém na Fatto, casa bárbara, idealizada com esmero p...

Últimos comentários

Você está aqui: Comportamento Fechem os portos