Surtadas

E-mail Imprimir PDF
Avaliação do Usuário: / 0
PiorMelhor 

Oi, e não é oi de olá, é Oi??? de onde estamos com a cabeça????, ou como diriam minhas amigas bibas adoradas, Como assim?

Adoro ter 1400 amigos no Facebook, porque a gama de assuntos que aparecem no feed é sensacional, que grande parte destes amigos são jornalistas, fotógrafos, músicos e gente muito descolada, que não deixa passar nada.

O post de hoje garimpei lendo o feed de um destes amigos de Facebook, e vou transcrever na íntegra porque a jornalista Mariana Piemonte que fez a matéria, escreveu muitissimo bem, e meus comentários serão dispensáveis pois voces, ao final da leitura, irão ver o porquê. uma coisa: admiro gente que tem talento para ganhar dinheiro assimcomo a fulana que ministra o curso abaixo. E Lobas lindas, será que o desespero chegou a tanto e a auto-estima das mulheres está assim tão abalada? Fica a pergunta para voces.

Texto de Mariana Piemonte para a Folha de São Paulo:

"Uma manhã cinza de sábado em São Paulo é um convite à preguiça, a um livro e àquela esticada na cama.

Mas só pode se dar a esse luxo quem não quiser se tornar "magnética" para conquistar um partidão, promessa do treinamento intensivo oferecido pela agência de relacionamentos Eclipse Love.

Dezenove mulheres a R$ 1.000 por cabecinha estavam lá, em uma sala da avenida Paulista, diante de um "powerpoint" que anunciava mudar suas vidas. Eram secretárias, arquitetas e psicólogas com idades entre 30 e 60 anos.

A criadora do programa, a psicóloga Eliete Amélia de Medeiros, 47, há 15 anos trabalha unindo casais e há dois abriu uma agência. Ela diz ser a primeira "heart hunter" (caçadora de corações) e chega a cobrar R$ 12 mil pelos seus serviços, que, segundo afirma, têm êxito de até 70%. Atualmente, diz, 2.500 pessoas contam com seu auxílio para ter sorte no amor.

Sutiã da discordia
Na abertura do curso, Eliete explica que, como a Lua, as mulheres têm fases e é preciso respeitá-las. Pelo menos uma vez por mês, a mulher deve tomar um banho mais demorado e tirar um dia para apenas ingerir líquidos, cuidados que, avisa, se perderam com o tempo.

As magnéticas são maleáveis, "batem cabelo" (jogo de cabeça para os lados), quebram os pulsos (sim, desmunhecar) e movem os quadris enquanto conversam.

Quem quer relacionamentos duradouros não deve transar na primeira noite, e o homem é quem paga o primeiro jantar. Mas a magnética também pode ser ousada e ligar no dia seguinte para agradecer o passeio, diz a professora, que informa estar há um ano e meio com um novo amor, após o divórcio.

Por volta das 15h acontece o segundo momento leve do curso, com dicas de como se vestir. Lembra a regra do salto? Então, ela vale também para praia ou piscina. "Como você não usa sapato nessas ocasiões, deve andar na ponta dos pés. Além de chamar atenção e olhares, gordurinhas e celulites ficam disfarçadas", afirma Eliete. Nesse instante, ela demonstra como deve é esse andar. As alunas a seguem com o pescoço.

 Após esse breve prólogo, dá-se início a um capítulo sobre etiqueta. Na tela está uma imagem de um sutiã em chamas. A professora diz: "Não foi nossa culpa que elas fizeram isso, mas precisamos resgatar a feminilidade e a tolerância se quisermos relacionamentos duradouros".

Nessa aula, as mulheres aprendem que não devem falar com o garçom durante um jantar romântico; que homens reparam se a pedicure está em dia e que é proibido comer muito em um primeiro encontro.

Para a psicóloga Ana Letícia Pereira, 30, o capítulo foi bastante proveitoso. Ela acredita que perdeu um partidão por ter feito um pedido diretamente para o garçom durante um jantar. "Demonstrei ser independente demais."

O que se fala à mesa também é importante: nada de tagarelar sobre trabalho. "Deixe esse assunto para eles, que já se sentem muito inferiorizados", ensina.

Um dos slides mostra que 50% das pessoas não querem parceiros acima do peso. A própria Eliete costuma rejeitar gordos em sua agência. "Sou carinhosa e assertiva, digo que se ela emagrecer aumentará seu leque de oportunidades", explica. Mas há gordos magnéticos, não?, a reportagem pergunta. "Não é o que dizem as pesquisas."

Depois de um breve curso de maquiagem --porque cara lavada é sinal de desleixo--, Eliete volta com um guia prático do magnestismo. Todas as participantes estão com caneta em punho.

A primeira regra é a pontualidade. "Qual o problema em deixar um pretendente com uma Mercedes esperando na porta da sua casa por 15 minutos?" "Todos", responde a plateia. São Paulo é uma cidade perigosa, além de ser sinal de falta de respeito, segundo as participantes.

Outro item elementar é o salto alto. "Sei que rasteirinhas e sapatilhas estão na moda, mas para atrair devemos usar salto", diz Eliete. Ela mesma não descansou um segundo do seu salto 12.

Para finalizar, a mestra pede que as mulheres fechem os olhos: vai começar uma técnica de relaxamento que, de quebra, promete aumentar a (estava faltando esta palavra) autoestima. Elas têm de visualizar uma "cena positiva" com o homem dos sonhos e guardar esse retrato. Depois, devem pensar numa pessoa muito especial, alguém que amem acima de tudo. Nessa hora, Eliete toca o ombro de cada uma, sinal para que abram os olhos. Um espelho está diante delas. Algumas não resistem e choram.

A bancária Milena Jorge, 35, do interior de São Paulo, foi uma. Depois de 14 anos de namoro, três de casamento e um bebê de um ano, descobriu a traição do marido em uma mensagem no celular.

Há cinco meses separada, resolveu acelerar a volta por cima. O caminho mais breve foi a agência e o curso.

"Sou caseira, não conseguiria me expor nas baladas. Tenho filho, por isso preciso de alguém que faça a primeira triagem. Vai que me deparo com um ladrão?" Se o curso fez diferença na vida dela? Absolutamente.

Naquele mesmo sábado, ela foi a um "happy hour" promovido pela agência. Conheceu um rapaz e colocou seu magnetismo à prova. Ela não era o perfil que o cara buscava --ele queria mulher sem filhos. Mas o rapaz não resistiu. No próximo fim de semana, Milena receberá o pretendente em sua cidade."

Mais nada a declarar!

beijos

Ps. Viram a nova Logo do Lobas? Adorei esta Lobinha, tem a minha cara...rsrsr

 

 

comentários (6)add comment

Lucimara comentou:

Realmente o que mais tem por aí são mulhere inseguras e gente oportunista!
Socorro.
beijos
05/06/2013

Gisele de Carvalho comentou:

smilies/cheesy.gif KKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKK. daria um peça de teatro e tanto, chorei de rir...E estamos falando de SP- séc XXI !!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!
05/06/2013

Fátima Coli comentou:

Gisele, só rindo mesmo....voce acha??? Magnetica....ah to Loka....e tem gente que ganha dinheiro e eu escrevo de graça...
05/06/2013

Telma comentou:

smilies/smiley.gif Orgulhosa por estar no seu hall de amigos rsrs
Texto pra rir ou pra chorar! Triste realidade de muitas pessoas.
05/06/2013

Juliana comentou:

Aí acho muito estranho tudo isso! A palavra certa seria medo! Onde tudo isso ira parar?? Precisamos pagar empresas para nos relacionar? Falta pouco para pagarmos por amigos....bjocas adorei a nova cara! Um brinde ao recomeço! Um brinde a você! Sucesso!
05/06/2013

Helaine comentou:

Adorei o texto e a nova cara do blog. Beijos
05/06/2013

Escreva seu comentário
menor | maior

busy

Os mais lidos

  • Mulheres impactantes
    Final de semana passado fui a São Paulo e assisti o espetáculo Evita. Na volta parei para um ca...
  • Viciada em lingerie
    Sou viciada em lingerie. Escolher a lingerie, faz tão parte de meu dia como faz parte tomar t...
  • Top 10 Portugal
       Top 10 Portugal Como prometido um resumo dos lugares mais bacanas da minha passagem ...
  • Avental sujo de ovo
    Quando penso em minha mãe, me vem a letra da música, que as freiras do Colégio São José onde...
  • Á margem de nós
    Há um tempo em que é preciso abandonar as roupas usadas, que já tem a forma do nosso corpo, e ...
  • Unhas, desisto, ser loira não desisto nunca!
    Voces lembram que eu coloquei unhas postiças? Pois é, fiquei exatamente uma semana com elas. ...
  • Look da balada
    O friozinho deu uma trégua, e a noite de ontém na Fatto, casa bárbara, idealizada com esmero p...

Últimos comentários

Você está aqui: Comportamento Surtadas